Parques de Orlando – Universal

07/out

Oi gente, tudo bem?

Como prometido, hoje tem post aqui também 🙂 . Hoje vim aqui passar as informações referentes aos parques da Universal (que na minha opinião são os mais legais).

PREÇO: Como disse no post anterior, a média de valores é de R$ 225,00 por ingresso, não sei dizer ao certo. *Esse valor varia de acordo com o valor do dólar. Nós compramos os ingressos com a empresa que fechamos a viagem e chegando em Orlando fomos na empresa parceira para retirar o ingresso, inclusive fomos “presenteados” com mais alguns dias para visitar os parques, mas não tínhamos tempo :(. Diferente dos parques da Disney, o ingresso na Universal é um cartão de papel.

CHEGUE CEDO: Para ser mais clara, logo que o parque abrir hahaha. Vão aos brinquedos mais concorridos primeiro (definam a prioridade da prioridade) e depois façam o restante do parque. Pra mim a parte mais importante dos parques da Universal é a do Harry Potter, então optamos por visitar lá primeiro. No Island fomos na montanha-russa do Hulk antes para evitar fila e esperamos só 10 minutos (não percam as oportunidades que aparecerem pra vocês). Na Universal Studios acabamos indo na montanha-russa 3D dos Simpsons primeiro porque quando passamos na frente estava vazio. É necessário avaliar cada momento.

MAPA DO PARQUE: Logo na entrada peguem o mapa em português e usem-o o dia todo. Caso queiram guardar um de recordação (que eu acho muito legal, até mesmo para ajudar os amigos que ainda irão pra lá), peguem dois, pois o que vocês consultarem durante o dia provavelmente terminará amassado. Vocês podem “estudá-lo” melhor enquanto estiverem na fila de alguma atração para não perderem tempo. Com ele vocês conseguem verificar onde estão as atrações que desejam ir, onde os personagens ficam, onde tem restaurantes… tudo sobre o parque. Seguindo ele vocês não darão voltas desnecessárias, ele é muito útil. Além do mapa tem também o time guide, que é encontrado na entrada, nas caixas registradoras das lojas ou em pontos de comida se eu não me engano (é assim nos parques da Disney). Peguem um também pois é nele que constam os horários das atrações que são variáveis, como a parada dos personagens, por exemplo.

THE OFFICIAL UNIVERSAL ORLANDO RESORT APP: Assim como a Disney tem seu app, a Universal também tem, só que eles são um pouco diferentes. Esse app é muito bom, depois que vocês aprendem a usá-lo fica muito mais fácil de se virar nos parques. É nele que vocês conseguem ver a média de tempo de fila, onde os personagens ficam, etc.

WI-FI: Esqueci de falar no outro post, mas o que eu achei bem legal foi o fato de lá ter wi-fi ♥. Nos parques da Disney é só se conectar à rede, nos parques da Universal é necessário fazer um pequeno cadastro antes, nada de complicado. Em alguns lugares o wi-fi não funciona, mas não dá pra reclamar, né?

IMG_6966Entrada da Universal Studios.

IMG_7326Entrada do Island of Adventure.

PERCORRAM O PARQUE NO SENTIDO ANTI-HORÁRIO: Como muita gente se empolga e vai nos primeiros brinquedos que veem pela frente, fazendo esse “caminho” vocês tem chances de pegarem filas menores.

FILA SINGLE RIDERS: Vale muito a pena pegar essa fila para ganhar tempo e aproveitar mais o parque. Claro que terão atrações que todos vão querer ir juntos, mas avaliem se vale o tempo de espera.

FOTOS: Tirem fotos nos cenários e com todos os personagens que conseguirem (verifiquem no app os horários e lugares onde eles estarão e avaliem se vale a pena ficar na fila para tirar foto ou não). Na Universal as filas não são tão demoradas, mas ela tem um limite de pessoas por horário. Caso vocês cheguem “tarde demais” é necessário esperar pelo próximo horário. Pode parecer desnecessário para algumas pessoas, mas essas fotos são ótimas recordações. Outra coisa legal é pedir autógrafo para os personagens no momento da foto. Vocês já estarão na fila mesmo e terão mais essa recordação. Nos parques vendem cadernos de autógrafos específicos, onde vocês podem colocar depois a foto com o personagem do lado do autógrafo, ou vocês podem levar o seu próprio caderno também, os personagens são bem atenciosos. Nós sabemos que são pessoas fantasiadas, mas isso não importa nem um pouco, a magia é a mesma.

FOTÓGRAFO: Quando vocês forem tirar foto com um personagem, terá um fotógrafo lá. Além de tirar foto com a câmera de vocês, ele tirará com a dele. Ele vai registrar a foto em um cartão, sempre que vocês tirarem alguma foto podem mostrar esse cartão para o fotógrafo que ele vai registrar a que tirou junto, ou ele vai dar outro cartão, guardem todos. Caso vocês queiram comprar as fotos depois, é só apresentar o cartão em uma lojinha (eu acho rs), eles conseguem ter o acesso através do código de cada cartão.

CARTÃO POSTAL: Comprem um cartão postal de todos os lugares que visitarem. Quando vocês montarem o álbum da viagem, poderão colocar junto e custa bem baratinho, me arrependi de não ter comprado nenhum. Fui lembrar e reparar nas lojas só depois de alguns dias.

LOJINHAS: As lojas são enlouquecedoras! São temáticas e tem de tudo. No final de cada atração tem uma loja cheia de tentações para nós. Caso queiram levar alguma recordação, economizem alguns dólares para gastarem lá.

ATRAÇÕES 3D: Não é permitido tirar foto ou gravar nessas atrações. Algo que eu achei bem interessante foi o fato dos óculos serem diferentes de acordo com o tema e não dobrarem.

MOEDAS COLECIONÁVEIS: Uma outra recordação baratinha e bem legal são essas moedas que tem em todos os parques. Custam alguns cents e são temáticas de acordo com a loja.

ATRAÇÃO DENTRO DA ATRAÇÃO: É tudo tão bem feito que desde o começo da fila até o final da atração você fica entretido. É tudo temático, sempre tem uma explicação antes de entrar na atração… a atração em si sempre surpreende e ainda tem as lojinhas no final.

“BORRIFADOR DE ÁGUA”: Em junho estava muuuito calor! Muita gente estava usando uma espécie de ventilador que solta água também, quase compramos (e deveríamos). Não é muito barato, mas aliviaria o calor durante o dia, principalmente nas filas.

FIQUE DE OLHO NO TEMPO: Mesmo estando calor, choveu bastante. Não o dia todo, mas quando choveu foi intenso. Eu deveria ter comprado uma capa de chuva no Walmart ou até mesmo no parque, não estava preparada para aquilo. A chuva acaba atrapalhando, é muito ruim ficar molhado e por causa disso muita gente vai embora antes do previsto.

“PAU DE SELFIE”: Quando eu fui não era permitido nos brinquedos, hoje não é mais permitido nem entrar no parque com eles, cuidado.

ARMÁRIOS DISPONÍVEIS: Os armários são gratuitos para a 1ª hora de uso em caso de atrações que não são permitidas entrar com bolsas, as demais horas são pagas.

FAST PASS: Nos parques da Universal, não existe o fast pass. Caso vocês queirma pegar filas mais rápidas, é necessário que vocês comprem um Universal Express Pass. Com ele, vocês terão acesso a uma fila separada para entrar em cada atração, sendo essa bem menor do que a fila comum, chamada de “Stand by”. Existem dois tipos: a Universal Express Pass e Universal Express Unlimited Pass. A diferença é que na versão comum, o visitante tem direito de cortar a fila apenas uma vez em cada atração, enquanto na versão unlimited, não existe um limite. Outra diferença muito grande entre o FastPass+ e o Universal Express Pass é que no da Disney, você deve sempre voltar durante uma janela de horário, enquanto no da Universal, a entrada é livre para a hora que você quiser. Em algumas atrações não é permitido usar o benefício, por isso vejam se vale a pena, acho que não é permitido em nenhuma atração do Harry Potter, por exemplo. Os preços não são baratos: Universal Express Pass: $39,99 dólares para o uso nos dois parques em um mesmo dia ou $34,99 dólares para uso em apenas um dos parques no mesmo dia. Universal Express Unlimited Pass: $59,99 dólares para o uso nos dois parques em um mesmo dia ou $49,99 dólares para uso em apenas um dos parques no mesmo dia. Dependendo da época o custo do Universal Express Pass pode facilmente ultrapassar os $100 dólares. Algumas vezes é possível encontrar combos de ingressos + Universal Express Pass por um valor menor, mas nem sempre as promoções valem a pena dependendo da quantidade de dias que você quer ir nos parques.

ALIMENTOS: É permitida a entrada nos parques com garrafas plásticas com bebidas (não alcoólicas, claro), lanchinhos que não necessitem de resfriamento ou aquecimento e alimentos de bebê. Além disso, também é permitido qualquer alimento que seja parte de alguma dieta especial ou indicação médica. Segundo o site oficial dos parques vocês também podem levar uma bolsa térmica ou coolers maleáveis desde que não tenham rodinhas e respeitem o limite máximo de tamanho de 21,5 cm de largura, 15,2 cm de altura e 15,2cm de profundidade. Não são permitidos refeições grandes ou comidinhas que precisam ser aquecidas ou refrigeradas, garrafas ou qualquer item de vidro ou material cortante, bolsas térmicas duras, com rodinhas ou acima do limite de tamanho já mencionado.

Top Parques Universal:

1º – Universal Studios.

2º – Island of Adventure.

Eu consegui aproveitar até que bastante os parques, mas sempre com a sensação de quero mais. Eu sou muito cismada e quando coloco uma coisa na cabeça, dificilmente esqueço. Durante uma viagem tudo acontece muito rápido. Então claro que eu tive 3434 arrependimentos. Coisas que eu deveria ter feito e não fiz, sabe? Por isso dá tanta vontade de voltar, pra fazermos as coisas pendentes rs Mas se Deus quiser eu vou voltar e registrar tudo pra vocês!

Eu espero ter ajudado vocês, qualquer dúvida deixem um comentário.

O vídeo será bem legal e cheio de trechos da viagem, aguardem!

Um beijo ?

Deixe seu comentário aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

tags dicas vídeo lookdodia inspiracoes musica playlist gostosuras vlog viagem DIY desafio glamourmodafeminina voudeglamour aniversario parquedoibirapuera facavocemesmo tag doces decoracao disney
Subir
ao
topo